Todos os Mandamentos de Deus São Possíveis com Deus

Cristianismo significa que mudar é possível. Uma mudança profunda e fundamental. É possível se tornar compassivo mesmo que você tenha sido duro e insensível. É possível deixar de ser dominado pela amargura e pela raiva. É possível se tornar uma pessoa amável, não importa como tenha sido sua criação.

A Bíblia assume que Deus é o fator decisivo em tornar-nos o que devemos ser. Com maravilhosa franqueza a Bíblia diz, "Deixe de lado a malícia e seja compassivo". Ela não diz, "Se você puder..." Ou: "Se seus pais foram compassivos com você..." Ou: "Se não te trataram terrivelmente mal..." Ela diz, "Seja compassivo".

Isso é maravilhosamente libertador. Liberta-nos do terrível fatalismo que diz que mudar é impossível para mim. Liberta-me da visão mecânica que faz a minha criação ser meu destino.

Se eu estivesse em uma prisão e Jesus caminhasse até minha cela e dissesse, "Saia desse lugar esta noite", eu poderia ficar aturdido, mas se eu confiasse em Sua bondade e poder, eu sentiria uma torrente de esperança de que liberdade é possível.

Se fosse noite e a tempestade estivesse furiosa, e as ondas quebrando alto sobre o embarcadouro, e o Senhor viesse a mim e dissesse, "Zarpe amanhã pela manhã", há uma explosão de esperança no escuro. Ele é Deus. Ele sabe o que está fazendo. Seus mandamentos não são palavras ao vento.

Seus mandamentos sempre vêm com libertação, verdade que muda nossas vidas para crermos. Por exemplo,

E sejam bondosos uns com os outros, compassivos, perdoando uns aos outros, assim como Deus em Cristo também tem perdoado vocês. Portanto sejam imitadores de Deus, como filhos amados; e andem em amor, assim como Cristo também vos amou, e se entregou por nós, uma oferta e sacrifício a Deus como um aroma perfumado.

  1. Deus nos adotou como Seus filhos. Nós temos um novo Pai e uma nova família. Isso quebra as forças fatalísticas de nossas "famílias de origem". "E a ninguém na terra chameis vosso pai, porque um só é o vosso Pai, o qual está nos céus" (Mateus 23:9).
  2. Deus nos ama como Seus filhos. Nós somos "filhos amados". O mandamento de imitar o amor de Deus não fica ao vento, ele vem com poder: "Sejam imitadores de Deus como filhos amados". "Amem!" é o mandamento e sermos amados é o poder.
  3. Deus nos tem perdoado em Cristo. Seja compassivo e clemente assim como Deus em Cristo te perdoou. O que Deus fez é poder para mudar. O mandamento de ser compassivo tem mais a ver com o que Deus fez por você do que o que sua mãe fez a você. Esse tipo de mandamento significa que você pode mudar.
  4. Cristo te amou e se entregou por você. "Ande em amor assim como Cristo te amou". O mandamento vem com uma verdade que muda nossas vidas. "Cristo te amou". Agora, quando houver uma chance para amar e uma voz te disser, "Você não é uma pessoa amorosa", você pode dizer, "O amor de Cristo por mim me faz um novo tipo de pessoa. Seu mandamento para amar é tão certamente possível para mim como Sua promessa de amor é verdadeira para mim".

Orando com você (e Santo Agostinho), "Senhor, ordene o que Tu quiseres e conceda o que ordenaste!"

Pastor John

©2014 Desiring God Foundation. Used by Permission.

Permissions: You are permitted and encouraged to reproduce and distribute this material in its entirety or in unaltered excerpts, as long as you do not charge a fee. For Internet posting, please use only unaltered excerpts (not the content in its entirety) and provide a hyperlink to this page. Any exceptions to the above must be approved by Desiring God.

Please include the following statement on any distributed copy: By John Piper. ©2014 Desiring God Foundation. Website: desiringGod.org