Reconstruindo Algumas das Bases de Bethlehem: As Doutrinas da Graça

Também Conhecida como os 5 Pontos do Calvinismo - TULIP

Acreditamos que essas 5 verdades são bíblicas e, portanto, verdadeiras. Acreditamos que elas magnificam a graça preciosa de Deus e dão gozo inefável aos pecadores que se desesperam tentando salvar a si mesmo.

Depravação Total

Nossa corrupção pecaminosa é tão profunda e tão forte que nos faz escravos do pecado e moralmente incapazes de superar nossa própria rebelião e cegueira. Esta incapacidade de nos salvarmos de nós mesmos é total. Estamos totalmente dependentes da graça de Deus para superar nossa rebelião, dar-nos olhos para ver, e efetivamente nos atrair ao Salvador.

Estando nós ainda mortos em nossas ofensas. (Efésios 2:5)

Porque a inclinação da carne é inimizade contra Deus, pois não é sujeita à lei de Deus; na verdade, não pode ser. Portanto os que estão na carne não podem agradar a Deus. (Romanos 8:7-8)

Ora o homem natural não compreende as coisas do Espírito de Deus, porque lhe parecem loucura, e não pode entendê-las, porque elas se discernem espiritualmente. (1 Coríntios 2:14)

Eleição Incondicional

A eleição de Deus é um ato incondicional da graça que foi dada através de seu Filho Jesus antes que o mundo começasse. Por meio deste ato, Deus escolheu, antes da fundação do mundo, aqueles que seriam libertos da escravidão do pecado e trouxe ao arrependimento e à fé salvadora em Jesus.

Como também nos elegeu nele antes da fundação do mundo. (Efésios 1:4).

Todos quantos estavam ordenados para a vida eterna. (Atos 13:48)

"Compadecer-me-ei de quem me compadecer, e terei misericórdia de quem eu quiser ter misericórdia." Assim, pois, isto não depende do que quer, nem do que corre, mas de Deus, que se compadece. (Romanos 9:15-16)

Mas Deus escolheu as coisas loucas deste mundo para confundir as sábias. (1 Coríntios 1:27)

Israel falhou ao obter o que ele estava procurando. Os eleitos obtiveram, mas os demais foram endurecidos. (Romanos 11:7;. Cf 9:11-12, João 6:37)

O meu servo, a quem escolhi, para que saibais e me creiais. (Isaías 43:10)

Graça Irresistível

Isso significa que a resistência que todos os seres humanos exercem contra Deus todos os dias (Romanos 3:10-12, Atos 7:51) é maravilhosamente superada em tempo oportuno pela graça salvadora de Deus à indignos rebeldes que ele escolheu livremente para salvar.

Mesmo quando estávamos mortos em nossos delitos, [Deus] nos deu vida juntamente com Cristo — pela graça sois salvos. (Efésios 2:5)

Ninguém pode vir a mim, se por meu Pai lhe não for concedido. (João 6:65)

Deus porventura, lhes dará o arrependimento para conhecerem a verdade. (2 Timóteo 2:25)

Expiação Limitada

A expiação de Cristo é suficiente para todos os seres humanos e eficaz para aqueles que confiam nele. A completa, salvação eficaz da expiação que Jesus realizou é limitada àqueles para quem o efeito salvador foi preparado. A disponibilidade da total suficiência da expiação é para todas as pessoas. Todo aquele que quiser — todo aquele que crer — será coberto pelo sangue de Cristo. E há um projeto divino na morte de Cristo para cumprir as promessas da nova aliança para a noiva escolhida de Cristo. Assim, Cristo morreu por todos, mas não por todos da mesma forma.

"Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna" (João 3:16;. Cf. Apocalipse 22:17).

Este cálice é o novo testamento no meu sangue, que é derramado por vós. (Lucas 22:20)

Cristo também amou a igreja e a si mesmo se entregou por ela. (Efésios 5:25)

Eu dou a minha vida pelas ovelhas. (João 10:15)

E rogo por eles. Não rogo pelo mundo, mas por aqueles que me deste, porque são teus... E por eles me santifico a mim mesmo [isto é, se preparar para morrer], para que também eles sejam santificados na verdade. (João 17:09, 19)

Aquele que nem mesmo seu próprio Filho poupou, antes o entregou por todos nós, como não nos dará também com ele todas as coisas? (Romanos 8:32)

Perseverança dos Santos

Nós acreditamos que todos os que são justificados vencerão a luta da fé. Eles vão perseverar na fé e nunca se renderão ao inimigo de suas almas. Esta perseverança é a promessa da nova aliança, obtida pelo sangue de Cristo, e trabalhada em nós pelo próprio Deus, no entanto, não para diminuir, mas apenas para capacitar e encorajar a nossa vigilância, de modo que nós podemos dizer no final, Combati o bom combate, mas não era eu, mas a graça de Deus, que estava comigo

Aos que justificou, estes também glorificou. (Romanos 8:30)

As minhas ovelhas ouvem a minha voz, e eu as conheço, e elas me seguem. E dou-lhes a vida eterna, e nunca hão de perecer, e ninguém as arrebatará da minha mão. (João 10:27-28)

Tendo por certo isto mesmo, que aquele que em vós começou a boa obra a aperfeiçoará até o dia de Cristo Jesus. (Filipenses 1:6)

Prossigo para alcançar aquilo para o que fui também preso por Cristo Jesus. (Filipenses 3:12)

Descansando em Cristo e prosseguindo para o alvo,

Pastor John

©2014 Desiring God Foundation. Used by Permission.

Permissions: You are permitted and encouraged to reproduce and distribute this material in its entirety or in unaltered excerpts, as long as you do not charge a fee. For Internet posting, please use only unaltered excerpts (not the content in its entirety) and provide a hyperlink to this page. Any exceptions to the above must be approved by Desiring God.

Please include the following statement on any distributed copy: By John Piper. ©2014 Desiring God Foundation. Website: desiringGod.org